Como Fazer uma Pasta de Dente Natural

Para fazer uma pasta de dente natural não é preciso muitos ingredientes, basta usar apenas algo que ajude a deslizar a escova durante a limpeza.


Muitas pessoas querem e fazem receitas de pasta de dente em casa usando alguns ingredientes de esfoliantes naturais.

Alguns desses ingredientes incluem argilas, sal, carvão ativado, cúrcuma que ajudam na limpeza dental.

Esses esfoliantes são ótimos, porém devemos ter atenção na hora da manipulação em suas dosagens.

E eu falo isso depois de passar por algumas experiências ruins.

Fizemos uma pesquisa mais aprofundada sobre cada ingrediente testado e, isto inclui:

  • Carvão Ativado – Em média 15 μm.
  • Argila Caulim – Varia de 25-35 μm, podendo variar também de 0,4-0,75 μm.
  • Bicarbonato de Sódio – De 50-75 μm, já foi encontrado até menos que 300 μm.
  • Carbonato de Cálcio – De 0,5-10 μm, podendo ser encontrado até menor que 50 μm.
  • Cúrcuma – Varia de 177-250 μm.

Pesquisamos mais precisamente o tamanho de microns ( μm ) de cada um deles, é isso que determina o quão abrasivo o ingrediente poderá ser.

Esses valores são a média geral do que podemos encontrar no mercado.

Podemos verificar que o micron menor é o de carbonato de cálcio, não é à toa que é o segundo ingrediente mais utilizado para a produção de pasta de dente convencional, o primeiro é a água.

O segundo menor ingrediente é o carvão ativado, terceiro argila, quarto bicarbonato de sódio e, por último, a cúrcuma.

Apesar de plantas serem esfoliantes menos abrasivos e mais macios do que os minerais, neste caso, a cúrcuma além de ter um micron maior, ela também tem um alto poder de coloração.

E, no meu caso, não tive muitas experiências legais com o uso da cúrcuma na escovação.

Eu amo a cúrcuma e incluo ela em minhas receitas culinárias, porém na escovação foi um desastre.

Eu já fiz clareamento nos dentes e quando passei a colocar a cúrcuma em uma receita para experimentar, no começou deu uma clareada mas, com o passar do tempo começou a escurecer meus dentes, não foi legal.

Se você quiser usar uma vez ou outra, sem problema algum.

Mas, em minha opinião, eu não arrisco mais a usar diariamente ingredientes com cores em minha pasta de dente.



Receita Pasta de Dente Natural

A escova por si só já atua como esfoliante, você pode notar as pessoas que escovam com muita força, com o tempo, os dente vão ficando mais sensíveis e em alguns casos mais escuros.

Receita:

Fase A

1,2g Goma Guar
10g Glicerina Vegetal

Fase B



Fase C

60g Água Destilada
0,5g Bicarbonato de Sódio
15g Carbonato de Cálcio

2,6g Leucidal Liquid
0,10g Óleo Essencial de Cravo
0,20g Óleo Essencial de Menta

AVISO: Esta é uma receita mais simples para iniciantes.

Caso queira uma consistência mais firme, acrescente mais goma na receita ou substitua por xantana.

Nessa receita, usamos o bicarbonato de sódio e carbonato de cálcio, o bicarbonato de sódio colocamos em pouca quantidade justamente para ajudar na conservação e limpeza dos dentes.

O carbonato de cálcio vai ajudar na remineralização do dente além de ser também um esfoliante leve.

Se você pegar uma pasta de dente como Colgate ou Oral-B vai encontrar esses ingredientes nelas.

Ou seja, se você já usa uma pasta de dente convencional da qual já incluem esses ingredientes, por que não trocar por essa receita maravilhosa completamente natural e, o melhor, sem flúor?!


Referências:

-https://personalcaretruth.com/
- https://core.ac.uk/download/pdf/132393374.pdf 
- https://patents.google.com/patent/EP2714591A1 
- https://docs.ufpr.br/~gazda/cao.htm 
- http://www.fao.org/fileadmin/user_upload/inpho/docs/Post_Harvest_Compendium_-_Turmeric.pdf 

Conclusão

Trocar uma pasta de dente convencional por uma natural não é uma tarefa fácil de início.

Tem muitas receitas com o uso de óleo de coco que são maravilhosas, mas tem pessoas, assim como eu, que não se adaptam a textura que fica na boca.

Fazer oil pulling é tranquilo, mas para escovação prefiro receitas semelhantes as convencionais e que sejam também naturais.


Se você é assim como eu e quer mais receitas como essa, baixe agora o e-book vermelho da qual tem o acesso a mais receitas naturebas que você vai amar!


Gostou dessa receita? Comenta aqui embaixo o que achou do resultado dela!

E-book GRÁTIS: Guia da Alquimia na Cosmetologia Natural

6 Comentários

  1. Kelly

    Adorei essa receita, mais tenho dúvidas com relação a validade e armazenamento. Aguardo retorno e desde já agradeço !

    • Olá, Kelly! O conservante usado vai ajudar na preservação dessa receita por pelo menos 3 meses. Para se saber a validade mais exata é necessário fazer testes em laboratórios. Com relação ao armazenamento, guarde em local seco e escuro.

  2. Paula

    Ameeei! Já estou querendo testar! Mas estou com dificuldade de encontrar o Leucidal, teria algum outro conservante que possa substituí-lo?

    • Olá, Paula. Pode substituir por solução de benzoato de sódio e sorbato de potássio 1%. 😊

      • Paula

        Calculo 1% sobre os ingredientes das fases A e B?
        Gratidão por compartilhar esse conhecimento maravilhoso!!

        • Você coloca sobre a formulação toda, neste caso considere:
          Fase A:
          1,4g
          11g
          Fase B:
          69g
          0,8g
          16,5g
          Fase C:
          1g
          0,1g
          0,2g
          💚

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *